Home / Curiosidades / Coloração pessoal: entenda o que é e como funciona

Coloração pessoal: entenda o que é e como funciona

7 minutos de leitura
Casio

Autor:‎‎‎‎‎‎‎‎‎

Você já vestiu uma roupa de determinada cor e ouviu as pessoas dizerem que aquele tom te valoriza? Pois bem, provavelmente, essa cor está na sua cartela de coloração pessoal. Responsável por garantir combinações certeiras e escolhas que te deixam ainda mais bonita, a técnica é uma tendência que está cada vez mais em alta e tem o objetivo de valorizar a beleza natural de cada pessoa.

A partir dela, você passa a escolher os looks considerando não apenas o seu lifestyle, mas também as cores que te iluminam e destacam os seus pontos fortes. Para te ajudar a entender o que é essa análise, quais cartelas existem e como fazer a sua própria coloração pessoal, preparamos um conteúdo completo sobre o assunto.

Continue a leitura e confira!

O que é coloração pessoal?

A coloração pessoal é uma análise feita com base no seu tom e subtom de pele para entender qual é o contraste que mais combina. Nesse processo, você ainda descobre a intensidade, temperatura e até mesmo a profundidade da sua cor.

Moça em uma loja escolhendo roupas

Ao ter em mãos todas as respostas, é possível entender quais tons te valorizam. Muito mais que nas roupas, a coloração pessoal garante a melhor escolha para maquiagens, acessórios e cor de cabelo, caso queira pintá-lo ou fazer mechas, por exemplo.

Apesar de ter ganhado destaque há poucos anos, o método está em pauta desde o início dos anos 1940, quando a artista plástica Suzanne Caygill criou um estudo acerca do tema. A análise foi aprimorada até chegar na versão usada atualmente, o chamado método sazonal expandido.

Quais são as 12 cartelas de coloração pessoal?

Assim como falamos anteriormente, o método usado atualmente é o sazonal expandido. Nele, a cartela é dividida em 12 grupos, sendo cada um recomendado para um tipo de pele. Antes de mostrar os detalhes sobre eles, é importante entender que cada estação possui um subtom frio, neutro e quente.

Agora, sim, conheça quais são as cartelas e as características que elas possuem!

Verão suave

A cartela verão suave possui cores mais opacas, ou seja, com baixo contraste. Ela combina com acessórios prateados e sem brilho, como os relógios vintage prateados da Casio. Em relação às cores, a cartela apresenta o gelo, areia e outros tons suaves e acinzentados.

Verão claro

O grupo verão claro tem tons frios e claros, porém, dentre as opções de verão, ele é o que mais apresenta cores vibrantes. Nesse caso, os acessórios pratas também são as melhores escolhas e as versões com detalhes coloridos ganham destaque, como as joias com pedras em lavanda.

Para quem possui essa cartela, indicamos os looks monocromáticos, já que o verão claro não costuma combinar com altos contrastes.

Verão puro

Para encerrar esse grupo, temos o verão puro ou frio, como também é chamado. Essa alternativa é formada por tons suaves, desbotados e com maior concentração de branco, não à toa, ela é recheada de cores pastéis e azuladas. Os acessórios também devem ser prateados.

Inverno brilhante

Com cores vibrantes e neutras, o inverno brilhante combina perfeitamente com joias em roxo ou azul. Dentre as cores presentes na cartela, estão o branco, fúcsia, verde-esmeralda e turquesa.

Inverno puro

O inverno puro ou frio é conhecido pelas cores de alto contraste, temperatura fria, escuras e vivas. Quem pertence ao grupo, deve investir em joias pratas com detalhes em preto, cinza e outras cores fortes. Na hora de escolher as roupas, prefira opções intensas, como vinho, verde-azulado e azul-marinho.

Inverno profundo

O último tom de inverno é o profundo. Nele, é possível encontrar uma diversidade de cores, como versões opacas ou então brilhantes. Os acessórios com preto, verde-escuro e cinza também são um excelente investimento para o subtom de pele. Na lista de cores, estão o verde-esmeralda, azul-petróleo e roxo-escuro.

Primavera brilhante

Também conhecida como primavera viva, a primavera brilhante fica linda com acessórios em dourado, como alguns modelos da linha G-SHOCK Full Metal. Quem possui essa coloração pessoal pode investir em peças nas cores turquesa, azul-céu, laranja e terracota.

Primavera clara

Com tons suaves e claros, a primavera clara é versátil e ideal para combinar acessórios em prata e dourado. Se você faz parte da primavera clara, invista nas peças em amarelo-claro, azul-celeste, cinza-claro, salmão e verde-água.

Primavera pura

Perfeita para receber joias quentes em ouro amarelo, a primavera pura é conhecida por ter contrastes médios e baixos, além de tons com alta saturação e intensidade. Aqui, a dica é investir em looks com verde-oliva, coral, pêssego, mostarda, azul-turquesa e salmão.

Outono profundo

Os acessórios dourados completam com maestria a cartela outono profundo. Os tons dessa coloração pessoal costumam ser opacos e quentes, ou seja, são um meio-termo entre claro e escuro. Nessa opção, estão presentes cores como terracota, verde-floresta, azeitona e caramelo.

Outono suave

O outono suave também combina com joias douradas e prateadas, porém, é necessário priorizar as opções com acabamento opaco. Algumas cores que costumam favorecer pessoas com essa cartela são: bege, creme, marrom-claro, amarelo-mel e tons de coral suave.

Outono puro

Para encerrar, temos o outono puro, ideal para acessórios em dourado brilhante. As cores dessa cartela são, predominantemente, opacas e quentes. Dentre os tons presentes no grupo, estão o dourado, vinho, mostarda, marrom-escuro e verde-oliva.

Como saber minha coloração pessoal?

A forma mais assertiva para saber a sua coloração pessoal é contratando uma avaliação de um especialista na área. Caso não consiga contar com esse auxílio, a dica é perceber quais cores te realçam e iluminam mais.

Para isso, você pode aproximar diferentes cores de tecido do rosto e observar quais te valorizam mais. É importante que para o teste você esteja sem maquiagem e de preferência de frente para uma fonte de iluminação natural.

Moça com uma palheta de cores, comparando as cores com a cor da pele da outra moça.

A partir dessa percepção, é possível investir em roupas e acessórios que combinam mais com a sua cartela.

Por que fazer a coloração pessoal?

Porque a coloração pessoal consegue destacar seus pontos fortes e te fazer ficar ainda mais bonita. Além disso, ela contribui para um ganho de autoestima e compras assertivas, afinal, ninguém merece comprar uma peça que ficou linda no manequim, mas, ao vestir, se sentiu apagada.

Vale ressaltar que essa técnica não te proíbe de usar as cores que não estão presentes na sua cartela, mas sim, te ensina a direcionar seus investimentos e realizar as melhores combinações.

Qual o valor de uma análise de coloração pessoal?

O valor depende do estado, cidade e profissional escolhido para realizar o método. Por exemplo, em São Paulo, é possível realizar a análise por, aproximadamente, R$ 500.

[[ Imagem ]]

Esperamos que tenha gostado do conteúdo e entendido tudo sobre o que é a coloração pessoal e as cartelas de cor utilizadas durante a técnica. Caso ainda tenha dúvidas sobre o tema, basta compartilhar nos comentários que vamos respondê-las.

Até o próximo conteúdo!

Avalie este post
Casio

Por mais de sete décadas, a CASIO o tem sido uma autoridade incontestável no que diz respeito a tecnologia e inovação. Nosso forte legado no desenvolvimento de produtos inovadores reflete a busca incessante pela excelência. Seja nos pulsos de exploradores urbanos ou nas mãos de músicos inspirados, a CASIO é sinônimo de confiança, qualidade e estilo.

Explore esse vasto universo em nosso blog, onde falamos sobre relógios, instrumentos musicais, lifestyle e moda. Aqui, os entusiastas encontram conteúdos que transcendem o convencional, desde análises detalhadas dos últimos modelos até dicas de estilo e novidades tecnológicas.

Subscribe
Notify of
guest

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments